Aerodinâmica – parte II

     Em recente trabalho em túnel de vento e em pista na Carolina do Norte, Estados unidos, pesquisadores da marca americana de bicicletas Specialized compararam a aerodinâmica de uma bicicleta de contra-relógio com uma bicicleta de estrada. Além de verificar se havia ou não vantagem, eles também compararam os equipamentos aerodinâmicos e sua capacidade de “salvar” preciosos segundos em uma prova contra o tempo.

    Os testes foram feitos no túnel de vento e em uma pista de carros (NASCAR); os contra-relógios eram de 10k e 1k. Na pista a 40 km/h constantes a economia fica entre 22-24% de tempo para uma bike de contra-relógio em relação à de estrada, ou 9 segundos em 1 k, 2 minutos e 14 segundos em 16k, 5 minutos e 33 segundos em 40k, e incríveis 24 minutos e cinqüenta e oito segundos em 180k. Além disso, foi constatada nos contra-relógios feitos na pista uma economia em watts entre 60-70 watts para 40 km/h constantes (uma bike de estrada necessita de 280-290 watts para essa velocidade e uma de contra-relógio apenas 220 watts). Já no meio controlado (túnel de vento), a economia fica entre 32-42%.

     Os resultados adquiridos servem como ponto de referência; porém, não podemos afirmar que para todos os indivíduos ou todos os tipos de bike as vantagens serão as mesmas. Agora é só escolher. Bom pedal.

     Comparando os equipamentos que ajudam mais em aerodinâmica a ordem ficaria assim: clip, capacete aero, quadro aero e por último as rodas aero. Levando em conta o custo desses equipamentos e o quanto eles podem salvar em tempo e em watts, os gastos seriam estes:


          
                                                Custo em US$                     Custo por watt salvo             

Clip

$100-1.200

$3.30-$40

Capacete aero

$75-230

$8.30-25.50

Bike aero

$1.000-$10.000+

$50-500

Rodas aero

$600-$8.000

$60-800